Vamos Parcelar

Cartão de crédito: como proceder em caso de perda, roubo ou clonagem

Passar por qualquer um desses problemas é um baita perrengue. Então, clique aqui pra saber como proceder nesses casos!
2 min. de leitura
Atualizado em 25 fev 22
Acesso rápido

Você tem cartão de crédito? Já perdeu, teve ele furtado ou clonado? Se sim, você certamente sabe a dor de cabeça que é. Caso nunca tenha passado por isso, é preciso estar atento para saber como agir e evitar que façam compras em seu nome. De acordo com o Banco Central, existem mais de 134 milhões de cartões ativos na modalidade crédito e infelizmente esses problemas são relativamente comuns.

Independentemente da situação, a primeira coisa a se fazer é entrar em contato com o seu banco e solicitar o cancelamento do cartão. Em seguida, você precisa registrar um Boletim de Ocorrência em uma Delegacia de Polícia (em caso de furto o B.O pode ser feito online). Além disso, encaminhe cópias dos documentos da ocorrência para sua instituição financeira e para os órgãos de proteção de crédito informando o ocorrido.

Mas é claro que cada caso tem suas peculiaridades. Então, continue com a gente para saber o que fazer em cada circunstância!

Em caso de perda

Se você perdeu seu cartão e percebeu isso antes que uma compra indevida fosse feita, a situação é mais simples. Basta seguir as dicas básicas mencionadas acima. Dessa forma, sua maior preocupação será ficar sem cartão até que o banco emita um novo.

Já no caso de alguém encontrar seu cartão e efetuar uma compra, o processo não muda muito. Entretanto, é importante que você busque identificar quais são esses valores para informá-los à instituição financeira. Por isso, é interessante que você tenha familiaridade com o aplicativo do seu banco e acompanhe sempre os gastos por lá. Assim, saberá quais despesas são suas e quais não são.

Em caso de roubo

Caso seu cartão tenha sido furtado, o processo é o mesmo da perda. Não há muito o que fazer a não ser cancelar, e torcer para que você consiga fazer todo o procedimento antes de compras serem efetuadas. Em seguida, não esqueça de fazer o Boletim de Ocorrência, principalmente nessa situação, pois você pode impedir que isso aconteça com outras pessoas.

Todavia, atualmente não é só o roubo físico que preocupa. Cada vez mais pessoas usam o cartão de forma online e nem todos os serviços são confiáveis. Existem muitos sites feitos apenas para dar esse golpe. O procedimento continua o mesmo, mas fica a dica para sempre tomar muito cuidado e verificar onde você está cadastrando seus dados.

Em caso de clonagem

O importante sobre esse crime é que a responsabilidade é integralmente do banco provedor de serviço do cartão de crédito. Ou seja, é considerado falta de segurança da instituição. Então, apesar das clonagens muitas vezes assustarem pelos valores gastos, é algo que fica como dever da organização. Mesmo assim, é necessário seguir os passos básicos em qualquer situação, para garantir que você não saia no prejuízo.

Este artigo é mais um conteúdo desenvolvido pela Vamos Parcelar com intuito de veicular informação de qualidade ao máximo de pessoas possíveis. Se ainda não conhece a VP, acesse nosso site e venha entender porque aqui é um lugar onde vale a pena pagar impostos e contas!

Acesso rápido

Assine nossa newsletter

Receba conteúdos completos sobre educação financeira, investimentos e novidades da VP.

Autorizo o envio de conteúdo e estou de acordo com a Política de Privacidade da VP.

Siga nossas redes sociais

Acompanhe os conteúdos e fique por dentro das novidades!

Postagens relacionadas

Prontinho! Agora você já pode usar o seu cupom para colocar seus débitos em dia.

Copiar e pagar Copiado!