Vamos Parcelar

CDI: o que é e como afeta os investimentos?

Saiba tudo sobre o certificado de depósito interbancário e como isso influencia o seu bolso!
2 min. de leitura
Atualizado em 09 maio 22
Acesso rápido

O universo do mercado financeiro é cheio de siglas e conceitos técnicos e se você quer se aventurar nesse segmento antes de tudo é necessário se informar e entender parte desses tópicos. Entre as diversas siglas que percorrem essa área, temos uma das mais famosas: o CDI, em outras palavras, o Certificado de Depósito Interbancário. 

Este conceito é importante principalmente para quem investe em renda fixa. Mas, de antemão, se você tem interesse em começar a investir é importante estar por dentro do assunto. Para te ajudar a acabar com as dúvidas de uma vez por todas ou para dar o primeiro passo rumo aos investimentos, vamos te explicar o que é o CDI e como ele afeta o seu bolso. Confira!

O que é?

Antes de mais nada vamos ao significado! O Certificado de Depósito Interbancário (CDI) é um título financeiro emitido pelos bancos, possui curto prazo, mais especificamente de um dia útil, e é usado pelas instituições para reunir recursos. Além disso, uma outra característica do CDI é que ele não é oferecido diretamente aos investidores individuais, ou seja, pessoas físicas não podem ter acesso ao título. 

Esse é um tipo de aplicação que tem como função principal a regulação do sistema financeiro. Por meio dela, os bancos emprestam e tomam recursos entre si todos, isso porque o Banco Central estabelece que essas instituições financeiras devem encerrar o dia com saldo positivo. Em outras palavras, o título é uma medida de manter o sistema financeiro estável. 

Mas em que isso impacta o bolso?

Bom, se você investe como pessoa física, a resposta é: os juros! Nas transações que acontecem entre os bancos, aquelas explicadas no tópico de cima, há cobrança de juros. Funciona assim: essas operações são registradas na B3, ou seja, bolsa de valores, e a partir daí é calculada uma taxa média de juros aplicada nos certificados interbancários de todo o mercado financeiro. 

Como o CDI afeta os investimentos?

Os lucros dos investimentos de renda fixa vem principalmente da taxa do CDI. Em outras palavras: muitas aplicações são diretamente vinculadas a esse indicador  e outras o utilizam como meta de desempenho, ou seja, de uma forma ou de outra o seu bolso é afetado. Então o que acontece quando a taxa do CDI cai? Isso é motivo de preocupação! Se a taxa diminui seu dinheiro rende menos. 

Render 100% do CDI é bom?

A princípio, se uma opção de investimento oferece  100% do CDI, ela assegura que o retorno será proporcional à taxa média integral dos empréstimos realizados entre os bancos. Ou seja, o retorno é equivalente. Por exemplo: se um investimento oferece 80% do CDI, seu lucro será calculado com essa base. Em outras palavras, se a taxa sobe, o retorno aumenta; se a taxa baixa, o retorno diminui. 

Todos os investimentos usam o CDI?

Não todos, mas boa parte deles. É o caso dos CDBs, das LCIs, das LCAs, das debêntures, dos CRIs, dos CRAs e dos fundos DI. As opções de investimentos são muitas, tem para todo o perfil de investidor e tipo de bolso. Se você está pensando em investir mas está com o orçamento apertado, saiba que é possível investir com pouco dinheiro. O principal é começar. Quanto antes, mais rápido será o retorno financeiro!

E aí, esclarecemos suas dúvidas? Não deixe de ficar atento ao nosso blog para ver mais conteúdos como esse. Ainda não conhece a VP? Não perca tempo! Aqui você parcela todos os seus impostos em até 18X e contas em até 24X com a menor taxa de serviço do mercado. Pague seus impostos sem dor de cabeça!

Acesso rápido

Assine nossa newsletter

Receba conteúdos completos sobre educação financeira, investimentos e novidades da VP.

Autorizo o envio de conteúdo e estou de acordo com a Política de Privacidade da VP.

Siga nossas redes sociais

Acompanhe os conteúdos e fique por dentro das novidades!

Postagens relacionadas

Prontinho! Agora você já pode usar o seu cupom para colocar seus débitos em dia.

Copiar e pagar Copiado!