Vamos Parcelar

Seguro veicular: 7 dicas para facilitar a sua escolha

Confira como se organizar na hora de escolher o melhor seguro para o seu veículo!
3 min. de leitura
Atualizado em 14 abr 22
Acesso rápido

Ter um seguro para veículo é uma despesa que, no final, pode valer a pena. No Brasil, em 2021, foram registrados 632.764 acidentes de trânsito, segundo dados do Registro Nacional de Acidentes e Estatísticas de Trânsito (RENAEST). Isso equivale a 72 incidentes por hora no país. 

Diante desses dados, ter um seguro automotivo faz toda a diferença. Dessa forma, separamos algumas dicas que podem te ajudar na hora de escolher o melhor seguro para o seu veículo. Bora lá? 

1. Tenha um planejamento financeiro 

Parece uma dica simples, mas para garantir que tudo ocorra como esperado, é essencial que você tenha um planejamento financeiro. Portanto, anote todas as suas despesas e veja quanto vai ter de orçamento para contratar um seguro. É a partir dessa quantia que você irá pesquisar e escolher o melhor serviço que caiba no seu bolso. 

2. Escolha o tipo de serviço 

Tenha em mente que cada seguradora pode te oferecer um tipo de serviço. Diante disso, é importante saber quais os tipos de cobertura que vai atender a sua necessidade. Atualmente, são dois tipos os mais utilizados: o seguro auto e a proteção veicular. 

O seguro auto é vendido por seguradoras vinculadas à Superintendência de Seguros Privados (SUSEP). Isso significa que a empresa tem permissão para vender esse serviço e que deve obedecer a algumas regras. Ele oferece cobertura contra roubo, furto, colisões e demais serviços. Dessa forma, quando acontecer algum sinistro que é coberto pela seguradora, ela irá se responsabilizar e assumir todas as despesas conforme a apólice. 

Já um serviço de proteção veicular, não é regulamentado pela SUSEP. Portanto, não precisa seguir as regras do órgão responsável. Contudo, caso ocorra algum sinistro com o seu veículo e os recursos sejam insuficientes, você terá que arcar com o restante das despesas. Portanto, fique atento ao tipo de serviço que deseja contratar para o seu automóvel.

3. Faça uma pesquisa detalhada  

É importante que você faça um levantamento sobre as seguradoras que oferecem o tipo de serviço que deseja contratar. Lembre-se que a empresa precisa ter uma boa comunicação com o segurador. 

Por isso, pesquise nas redes sociais depoimentos de outras pessoas que contrataram o seguro. Além disso, utilize sites como o Reclame Aqui. Procure saber se a seguradora oferece um bom atendimento ao usuário para você não ficar na mão quando precisar. 

4. Procure o melhor tipo de cobertura 

Sobretudo, é importante que você saiba quais as suas necessidades para contratar um seguro. Por exemplo, longos trajetos e riscos de desastres naturais são fatores que devem ser levados em conta nesse momento. Ou seja, tudo isso vai interferir na hora de escolher uma boa cobertura. 

Assim, se possível, tenha a ajuda de um corretor de seguros. Ele poderá te auxiliar e indicar serviços que encaixe no seu perfil.  

Por fim, lembre-se também, que ter uma assistência 24 horas pode ser uma boa opção. Algumas seguradoras oferecem o serviço como bônus para o consumidor. Porém, se a empresa que você contratou não disponibilizá-lo, ainda será um bom investimento. Afinal, imprevistos podem acontecer a qualquer momento. 

5. Faça vários orçamentos 

Os custos para adquirir um seguro podem variar dependendo da seguradora. Diante disso, é importante que você faça um orçamento com cada empresa. Entretanto, escolha a que couber melhor no seu orçamento, atendendo as coberturas necessárias do seu veículo. 

Além disso, avalie os adicionais propostos no contrato e a possibilidade de parcelamento e negociação. É possível obter um bom seguro, sem apertar o bolso no final do mês.  

6. Tenha cuidado com a vistoria 

Contudo, preste atenção na hora de fazer a vistoria do seu veículo. Normalmente, apenas carro zero quilômetro e a recontratação de seguro dispensa a fiscalização. Por isso, é importante saber que o seu automóvel só estará segurado após a comprovação da vistoria. Portanto, procure um técnico ou pontos fixos autorizados pela seguradora e faça já a revisão. 

7. Verifique a melhor forma de pagamento

Por último, escolha o valor que caiba no seu planejamento financeiro. Muitas seguradoras oferecem formas de parcelamento utilizando débito em conta, cartão de crédito ou boleto. 

Porém, se você encontrou alguma dificuldade na hora de pagar o seguro do seu veículo, não se preocupe! Conte com a VP. Aqui parcelamos todas as suas contas e impostos em até 24x no cartão de crédito. Não deixe de garantir a sua segurança no trânsito!   

Acesso rápido

Assine nossa newsletter

Receba conteúdos completos sobre educação financeira, investimentos e novidades da VP.

Autorizo o envio de conteúdo e estou de acordo com a Política de Privacidade da VP.

Siga nossas redes sociais

Acompanhe os conteúdos e fique por dentro das novidades!

Postagens relacionadas

Prontinho! Agora você já pode usar o seu cupom para colocar seus débitos em dia.

Copiar e pagar Copiado!